top of page
  • Foto do escritorTherbio Felipe

Sinalização da Bicicleta

Tanto para quem pedala na cidade quanto para quem está curtindo o pedal em meio rural, a sinalização da bicicleta é de suma importância para a segurança do ciclista.


O art. 105 do Código de Trânsito Brasileiro diz que são acessórios obrigatórios na bicicleta: campainha, sinalização noturna dianteira, traseira, lateral e nos pedais, além do retrovisor no lado esquerdo.

Sinalização traseira da bicicleta - Shitterstock

As lanternas de LED tem sido usualmente utilizadas nas traseiras das bikes, com a intermitente luz vermelha indicando alerta. Há, inclusive, modelos de lanternas traseiras contendo setas indicativas de direção (dobrar à direita/dobrar à esquerda), acionadas via controle wi-fi.


Outros modelos são ainda mais completos, como é o caso daquele que apresenta farol+buzina+pisca+ciclocomputador com 27 funções. Bem mais simples, são as luzes de segurança de LED para serem acopladas usando braçadeiras de silicone.


Sinalização para bicicletas - Shutterstock

Já para a sinalização dianteira da bicicleta recorre-se aos faróis de LED com diferentes quantidade de lumens, que são a unidade de medida de fluxo luminoso, ou ainda, a quantidade de luz emitida por uma fonte luminosa.


Quanto mais lumens agrupados em um farol, maior e mas assertiva será a luminosidade.


Entre os modelos, existem os que possuem luz intermitente ou, ainda, a condição de luz piscante, a fim de chamar ainda mais atenção de veículos, pedestres e outros ciclistas que sigam no sentido oposto.


Sinalização noturna para bicicleta - Shutterstock

O importante é seguir o que orienta a legislação vigente e buscar o máximo de eficiência quando o assunto é a própria segurança.


Acesse nossa loja online - a maior do Brasil, e encontre a sinalização ideal para a sua bike.






Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page